ITACARÉ: PREFEITURA REALIZA EXAMES PARA OS HOMENS NO NOVEMBRO AZUL
  • 163
  • 0
  • 22/11/2021 
  • redacao

Conscientizar a população masculina sobre os riscos de doenças e alertar a sociedade sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de próstata. Esse é o objetivo da campanha Novembro Azul realizada pela Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Saúde, que vem realizando atendimentos e exames para homens de todo o município, da sede e da zona rural.

E neste sábado foi a vez de desenvolver a campanha no Posto de Saúde Maria de Lourdes, no distrito de Taboquinhas, realizando o atendimento de centenas de pessoas. Durante todo o dia foram realizados exames de ultrassonografia da próstata, coleta de PSA, triagem de hepatites virais, HIV/Aids, e sífilis, além do atendimento de consultas médicas clínicas e odontológicas.

A campanha continua em outras comunidades. No dia 27 de novembro será a vez do atendimento do Novembro Azul no Posto de Saúde Otto Alencar, no centro de Itacaré. O prefeito Antônio de Anízio falou da importância da população masculina realizar esses exames, pois o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, só fica atrás do câncer de pele. “E o exame preventivo é fundamental para o diagnóstico precoce, que aumenta as chances de cura do paciente”, complementou.

O secretário municipal de Saúde, Ricardo Lins, alerta que, por preconceito, muitos homens ainda deixam de fazer o exame de toque retal e se expõem aos riscos da doença. “Mesmo com tantas campanhas de prevenção, o mito de que o exame afeta a masculinidade ainda permeia a mente do público masculino. Mas superar o preconceito e fazer o exame passa a ter muito mais valor quando o que está em jogo é a saúde e a qualidade de vida.”, destacou.

De acordo com as organizações de saúde, as ações como o Novembro Azul são fundamentais para derrubar tabus e preconceitos que ainda impedem os homens de cuidar da saúde. Segundo eles, câncer, hoje, não é mais uma sentença de morte. A doença pode ser tratada e curada graças ao diagnóstico precoce e, claro, aos recursos científicos disponíveis.