BAHIA TEM MELHOR INÍCIO DE BRASILEIRÃO EM 38 ANOS
  • 915
  • 0
  • 08/05/2024 
  • redacao

 

O Bahia largou com tudo no Campeonato Brasileiro. O triunfo por 2×1 sobre o Botafogo, no Engenhão, ampliou a invencibilidade tricolor na temporada, colocou o time na vice-liderança do torneio e fez o clube atingir o seu melhor início na Série A em 38 anos.

Desde 1986, o Esquadrão não apresentava um rendimento tão bom nos cinco primeiros jogos da principal competição do país. Naquele ano, a equipe venceu as sete partidas iniciais e liderou o seu grupo. O elenco – que contava com alguns atletas que conquistariam o título da primeira divisão em 1988 -, fez grande campanha e caiu nas quartas de final para o Guarani.

Na atual temporada, o Bahia ostenta 66% de aproveitamento. Depois de amargar derrota de virada para o Internacional na estreia do Brasileirão, o tricolor mudou a chave e pontuou em todos os outros quatro jogos: empatou o clássico com o Vitória e venceu os embates contra Fluminense, Grêmio e Botafogo.

Os dez pontos conquistados até aqui deixam o Esquadrão empatado com o líder Athletico-PR. Mas o clube baiano é superado no saldo de gols (quatro contra dois). Para efeito de comparação, sob o comando de Renato Paiva, no ano passado, o time fez apenas nove pontos nas 10 primeiras partidas da Série A.

Levando em consideração o Brasileirão por pontos corridos, o início também é o melhor do Bahia. A campanha atual supera a de 2017, quando a equipe fez nove pontos nos cinco primeiros confrontos (três vitórias e duas derrotas) e ocupou a 6ª colocação, com 60% de aproveitamento.

Apesar do Campeonato Brasileiro estar apenas no início, a boa fase dá margem para acreditar que o tricolor pode fazer uma campanha tranquila, apagando a imagem deixada na temporada passada, quando escapou do rebaixamento apenas na última rodada. Internamente, o clube sempre tratou a Série A como prioridade, por conta da possibilidade de classificação para competições internacionais.

“É muito importante, o City veio para o Bahia para buscar coisas grandes, e o Ceni sempre fala que a gente tem capacidade de brigar lá em cima. A qualidade do nosso time é muito importante, quem entra ali muda o jogo. É seguir trabalhando, com os pés no chão, que eu tenho certeza que vai ser um ano muito importante”, disse o atacante Rafael Ratão, autor do gol que deu a vitória sobre o Botafogo.

A missão do Bahia no restante da competição será manter o bom desempenho. Domingo, o tricolor recebe o Red Bull Bragantino, na Fonte Nova, às 18h30. Será mais um confronto direto na parte de cima da tabela, já que o clube paulista é o 5º colocado, com um ponto a mais do que Esquadrão.

A Fonte, aliás, é o grande trunfo azul, vermelho e branco até aqui. Dos 10 pontos que o Bahia conquistou na Série A, seis foram em compromissos como mandante. Levando em conta todas as competições, o grupo principal está invicto em casa. Foram 13 triunfos e um empate em 14 jogos.

A única derrota registrada pelo clube nos seus domínios foi na estreia no Campeonato Baiano, quando usou uma equipe formada por atletas da base. Ali, o time caiu por 1×0 para o Jequié.

Apesar do retrospecto, Ratão afirma que o elenco precisa manter o foco para seguir fazendo bons jogos e se manter entre os melhores do Brasileirão. “É fazer o que está dando certo, não se mexe no que está ganhando. A cada dia a gente está evoluindo mais no que o Ceni quer. É se manter em cima disso, entender o projeto do Bahia, que é importante. Mas acho que temos tudo para fazer uma boa temporada, vamos manter os pés no chão e seguir procurando os triunfos”, completou. Confira mais no Correio24h