PESQUISA IPESPE: BOLSONARO SOBE 4 PONTOS COM SAÍDA DE MORO
  • 716
  • 0
  • 06/04/2022 
  • redacao

 

O aumento nas intenções de voto em Bolsonaro se deram, principalmente, em decorrência da retirada dos nomes de Sergio Moro e Eduardo Leite

Como pré-candidato à reeleição ao Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro (PL) subiu 4 pontos percentuais na pesquisa Ipesp. O aumento nas intenções de voto em Bolsonaro se deu, principalmente, em decorrência da retirada dos nomes de Sergio Moro (União Brasil) e Eduardo Leite (PSDB).

O nome do postulante à reeleição foi de 26% para 30% nas intenções estimuladas – seu maior percentual registrado pelo instituto. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ainda lidera com 44%, mesmo patamar do levantamento anterior. Além disso, outros candidatos à presidência se beneficiaram da saída do ex-juiz. Nas intenções de voto, agora, Ciro Gomes subiu de 7% para 9%, João Doria de 2% para 3%, Simone Tebet de 1% para 2%.

Confira os cenários estimulado, espontâneo e de segundo turno:

Os que não sabem, não responderam ou votam nulo e branco cresceram 3 pontos percentuais com a saída de Moro, de 9% para 12%. Em simulação de segundo turno entre Lula e Bolsonaro, o petista aparece com 53%, 20 pontos à frente de Bolsonaro, que marca 33%. Há 10 dias, a vantagem era de 54% a 31%.

Na pesquisa espontânea, Lula aparece com 36%; seguido de Bolsonaro, com 27%; e Ciro com 4%. O detalhe é que o ex-presidente já vinha com 36%, enquanto o atual ocupante do Planalto aparecia com 25%.

Por ser espontânea, o nome de Moro segue sendo citado por 2% dos entrevistados. Depois vêm Doria, Tebet e André Janones, cada um com 1%. (Metrópoles)