DELAÇÃO PREMIADA: DELCÍDIO CONTA TUDO E COMPROMETE LULA E DILMA, DIZ REVISTA
  • 797
  • 0
  • 03/03/2016 
  • Redação

 

DELCIDIO

Em delação premiada negociada com a força-tarefa da Operação Lava Jato, o senador Delcídio do Amaral (PT) teria descrito a ação decisiva da presidente Dilma Rousseff para manter na estatal os diretores comprometidos com o esquema de corrupção. De acordo com o senador, Dilma teria usado seu poder para evitar a punição de corruptos e corruptores, nomeando para o Superior Tribunal de Justiça (STJ) um ministro que se comprometeu a votar pela soltura de empreiteiros já denunciados pela Lava Jato. As informações são da revista IstoÉ. A delação ainda não foi homologada pelo Supremo Tribunal Federal. De acordo com reportagem da revista, Delcídio também teria afirmado que o ex-presidente Lula tinha “pleno conhecimento do propinoduto instalado na Petrobras e agiu direta e pessoalmente para barrar as investigações – inclusive sendo o mandante do pagamento de dinheiro para tentar comprar o silêncio de testemunhas.” A IstoÉ destaca que o relato de Delcídio é “devastador”, pois “trata-se de uma narrativa de quem não só testemunhou e esteve presente nas reuniões” (…) “como participou ativamente de ilegalidades ali combinadas –a mando de Dilma e Lula, segundo ele.”