DESTAQUE NO TRÁTLON, BAIANO PODE DISPUTAR MUNDIAL TRÊS ANOS APÓS COMEÇAR NO ESPORTE
  • 2.500
  • 0
  • 03/04/2016 
  • redacao

TRATO(por Matheus Caldas

No triátlon baiano, uma promessa vem se destacando. Trata-se de Bruno Vieira, bicampeão baiano da categoria Júnior na modalidade. Aos 19 anos, ele também lidera o ranking brasileiro em sua idade e já planeja a classificação para o Campeonato Mundial, no fim do ano.

Para conseguir o feito, ele primeiro irá disputar o Pan-americano Júnior da modalidade. Caso fique entre os 15 primeiros colocados, sua vaga já estará garantida. Num treinamento para o torneio, Vieira disputará o Campeonato Europeu, no dia 10 de abril, na Espanha. No entanto, o atleta garante que é apenas um “treinamento” para chegar afiado no Pan-Americano.

“A prova principal é o Pan-americano Júnior. Meu objetivo é ficar entre os 15 primeiros e, assim, eu conseguirei uma vaga para o Mundial Júnior. Mas se tudo der certo, eu fico entre os 10 e ganho e continuo com o Faz Atleta [programa de patrocínio do Governo do Estado] para atletas internacionais’, disse Bruno, em entrevista ao Bahia Notícias.

Em janeiro, ele foi o 12º colocado no Sul-Americano da categoria, tendo sido o segundo melhor brasileiro na classificação. As suas conquistas se tornam mais importantes após o atleta revelar que começou sua carreira no esporte apenas em 2013, após ter deixado somente a natação e passado a conhecer o ciclismo e a corrida.

“Eu nunca fui um nadador de tempos excepcionais. Aqui em casa minha mãe sempre exigiu que fizéssemos uma atividade física. Mas teve um período que eu parei com a natação. Procurei uma atividade diferente. Aí meu irmão me deu a dica do triátlon. Comecei só por saúde. Então, eu vi que podia levar a sério. Em 2013 comecei a competir”, explicou.