NAMORADA LAMENTA MORTE DE TEORI: MOMENTO MUITO DIFÍCIL
  • 821
  • 0
  • 21/01/2017 
  • redacao
"É um momento muito difícil. Sem condições de falar", afirmou Liliana a O Globo.

“É um momento muito difícil. Sem condições de falar”, afirmou Liliana a O Globo.

A namorada do ministro Teori Zavascki, Liliana Schneider, afirmou que passa por um “momento muito difícil” com a morte dele, que aconteceu na tarde desta quinta-feira (19) em um acidente de avião em Paraty, no Rio de Janeiro. Conforme O Globo, ela trabalha como gerente de joalheria no Rio de Janeiro. “É um momento muito difícil. Sem condições de falar”, afirmou Liliana a O Globo.
Teori, de 68 anos, era relator da Operação Lava Jato no STF. Ele estava na Corte desde 2012, tendo sido indicado pela presidente Dilma Rousseff. Várias autoridades e entidades se manifestaram lamentando a morte do ministro, inclusive o presidente Michel Temer, que afirmou que Teori era um “homem de bem” que teve uma “trajetória impecável”. Temer decretou luto oficial de três dias no país. O avião decolou do Campo de Marte, em São Paulo, às 13h01, com previsão de chegar em Paraty às 13h30, no horário de Brasília. Os aeroportos ficam distantes 199 km, mas a 2 km da cabaceira da pista em Paraty, o avião caiu no mar, próximo à Ilha Rasa. Na hora do acidente, chovia moderadamente. Foram 11 milímetros de precipitação na região entre 13h e 14h. A Marinha soube do acidente às 13h45. Além do ministro, outras quatro pessoas morreram.