EUA ENCERRAM OLIMPÍADAS LIDERANDO QUADRO DE MEDALHAS
  • 320
  • 0
  • 08/08/2021 
  • redacao

 

Os Estados Unidos se despediram dos Jogos Olímpicos de Tóquio na liderança do quadro de medalhas. Os norte-americanos encerraram a participação em Tóquio-2020 com 39 ouros, 41 pratas e 33 bronzes. Após a polêmica sobre a maneira como veículos norte-americanos montaram a classificação do quadro, o país liderou nos dois critérios: mais medalhas de ouro e total de medalhas (113).

Quem ficou em segundo lugar, após permanecer boa parte dos Jogos na frente, foi a China. No total, foram 88 medalhas: 38 de ouro, 32 de prata e 18 de bronze. O terceiro lugar foi, de maneira surpreendente, o Japão. Ancorados em uma excelente campanha no judô, os anfitriões conquistaram 58 medalhas: 27 ouros, 14 pratas e 17 bronzes. O Comitê Olímpico Russo (ROC) e o Reino Unido fecharam as cinco primeiras posições. O Brasil igualou o maior número de ouros conquistados em uma edição.

Assim como na Rio-2016, o país ocupou o topo do pódio sete vezes, além de conquistar seis pratas e oito bronzes. No total foram 21 medalhas, um recorde nas participações olímpicas. Essa campanha rendeu ao Brasil a 12ª colocação no quadro de medalhas, uma posição acima da que teve quando foi anfitrião dos Jogos em 2016. No total, 93 países conquistaram medalhas em Tóquio, um novo recorde na história dos Jogos Olímpicos. Desses países, 65 conquistaram ao menos uma medalha de ouro.