MARAU: FUNCIONARIA PÚBLICA VÍTIMA DE ARRASTÃO EM BARRA GRANDE FAZ RELATO EMOCIONANTE
  • 1.242
  • 3
  • 06/04/2015 
  • redacao
O povoado de Barra Grande costuma receber centenas de veranistas nessa época.

O povoado de Barra Grande costuma receber centenas de veranistas nessa época.

A funcionária Pública Estadual, Lilian Guimarães, esposa do empresário Heron Mendes Guimarães Junior, fez um relato emocionante sobre o clima de terror vivido pela família no último sábado (04) ,  no povoado de Barra Grande, na península de Maraú. Ela contou no Programa Realidade Atual desta segunda feira (06),  que dois elementos fortemente armados  invadiram sua  casa  e renderam toda família  num total de vinte pessoas  que  passavam o feriado da Semana Santa. Lilian disse ainda que recebeu diversas coronhadas,  enquanto os bandidos  recolhiam os  Smart fones de última geração,  not books, jóias e mais de $20 mil reais. Até  seu cunhado Márcio Guimarães que dormia no momento do assalto foi obrigado a acordar e teve toda sua roupa levada  pelos meliantes.  Segundo ela, os bandidos só deixaram a residencia depois que seu Irmão Ismael,  implorou dizendo que a polícia poderia chegar a qualquer  momento, já que a porta permanecia aberta. ( Fonte: jornaltribunadaregiao.com.br)


  1. HERON JUNIOR disse:

    A tribuna da regiao.. sobre esse fato que minha familia e amigos passamos,e de causar indignaçao,mas o que mais me revolta e que no momento do assalto nao tinha sequer um POLICIAL em barra grande,sabendo esses que era feriado prolongado que a cidade estava cheia de visitantes,onde esta os responsaveis pela falta de policiais no feriado? Que alguem assuma o erro,pois eu fui a primeira vitima,e pode ter certaza que outras virao.assim como foi minha casa,vai acontecer em outras.obrigado

  2. Anonimo disse:

    Humberto, boa tarde. Os fatos aconteceram na SEXTA-FEIRA, POR VOLTA DAS 21HRS (e não no sábado). O valor de tudo levado (celular, notebook, aneis, relogios, oculos, e um pouco de dinheiro) que TOTALIZAVA uns 20 mil reais.
    E realmente, não possuia um policial militar em Barra Grande. É preciso que as autoridades tomem uma providência com esses assaltantes, senão vai virar bagunça e esses assaltos serao cada vez mais comuns.

  3. Marcela Guimarães disse:

    Lamentável. Barra Grande há mais de 20 anos é um local de lazer e de boas memórias da minha família. Jamais imaginamos passar por isso exatamente lá.
    Espero em Deus que os responsáveis sejam punidos por tamanho transtorno que nos causaram, em plena semana santa. Quanto ao policiamento, já passou da hora de ser ampliado!