CÂMARA DE AURELINO LEAL DISCUTE SITUAÇÃO DO HOSPITAL DE UBAITABA
  • 1.400
  • 2
  • 11/08/2015 
  • redacao

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

A câmara de vereadores de Aurelino Leal realizou sessão ordinária nesta segunda feira (10), para discutir a atual bancarrota do hospital de Ubaitaba. O objetivo da reunião foi achar uma solução para a crise de gestão que sofre o hospital de Ubaitaba e que por consequencia já afeta o hospital de Aurelino Leal. A sessão contou com a participação da vereadora ubaitabanse SuKa Carneiro, que prometeu buscar soluções junto à Câmara de Ubaitaba para evitar que esse câncer que toma o hospital ubaitabense se espalhe para o de Aurelino Leal. Nos últimos meses sem médicos e sem medicamentos, os pacientes do Hospital São Vicente de Paula são obrigados a recorrer ao hospital de Aurelino Leal, que não comporta a sobrecarga das duas cidades. Durante a sessão os edis se comprometeram a unir forças para solucionar o problema.

Fonte: Aurelino Leal Alerta


  1. MEMORIAS DAS TREVAS disse:

    Uma boa atitude dos Nobres Edis da Egrégia casa Aurelinense. Más, por que os mesmo não procuram averiguar certas irregularidades e certas condutas errôneas no Hospital de Aurelino Leal?
    *MARIDO DA PREFEITA NOMEADO DIRETOR CLINICO POR DECRETO
    *ACUMULO DE FUNÇÕES DO DR CARLOS GARCIA ( A CARGA HORARIA DO MESMO NÃO CONFERE COM OS ATENDIMENTOS)
    *APADRINHAMENTOS DE ALGUNS FUNCIONÁRIOS
    *FALTA DE MEDICAMENTOS
    * ATENDIMENTO PRECÁRIO
    * A BALELA DA FALTA DE RECURSO PODE SER COMPROVADA EM: http://www.saude.ba.gov.br/fesba/pretadores
    http://www.fns.datasus.gov.br
    *

  2. Duda Pires disse:

    Essa discussão tinha que ser mais ampla com a presença dos Prefeitos e Vereadores das 2 cidades, além dos representantes das entidades civis, da reunião sair com uma Comissão mista com representantes de Ubaitaba e Aurelino, redigir um relatório detalhado da situação e levar ao Governador e Secretário de Saúde do Estado, pedindo que o Hospital de Ubaitaba se transforme em hospital regional. Dessa forma é perda de tempo, não chegará a lugar algum.