MARCELO ODEBRECHT E EXECUTIVOS DA EMPREITEIRA ACERTAM ACORDO DE DELAÇÃO
  • 1.291
  • 0
  • 23/03/2016 
  • redacao

Pedro Venceslau, Ricardo Brandt, Valmar Hupsel Filho e Fausto Macedo

Empreiteira baiana foi alvo da Operação "Xepa" da Polícia Federal

Empreiteira baiana foi alvo da Operação “Xepa” da Polícia Federal

Os executivos da maior empreiteira do País decidiram buscar o acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República nos processos da Operação Lava Jato.

O empreiteiro Marcelo Bahia Odebrecht, preso na Operação Erga Omnes, desde 19 de junho de 2015, já começou a depor, antes da deflagração da Operação Xepa, etapa da Lava Jato que tem base na colaboração da ex-secretária do grupo, Maria Lúcia Tavares – ela entregou aos investigadores a planilha da propina.

O acordo foi confirmado pelo grupo nesta terça-feira, 22. O acordo envolve outros executivos da Odebrecht, presos também desde junho de 2015.

Pesou na decisão de fazer o acordo a condenação imposta pelo juiz federal Sérgio Moro. Acusado de lavagem de dinheiro, corrupção ativa e associação criminosa, Odebrecht foi condenado a 19 anos e 4 meses de prisão.

Também pesou o fato de a ex-secretária Maria Lúcia ter feito delação e revelado os caminhos dos pagamentos ilícitos realizados por ordens de seus superiores, entre eles Marcelo Odebrecht.