PRESIDENTE DA CÂMARA DE UBATÃ É AFASTADO PELA JUSTIÇA NESTA SEXTA FEIRA
  • 832
  • 0
  • 19/09/2014 
  • redacao
O vereador e presidente da Câmara Jaquison Mendes Brito (PDT), é acusado de varias irregularidades

O vereador e presidente da Câmara Jaquison Mendes Brito (PDT), é acusado de varias irregularidades

 

A Justiça de Ubatã afastou, nesta quinta-feira (18), o presidente da Câmara Municipal de Ubatã, o vereador Jaquison Mendes Brito (PDT), o Nino Maragon. A Justiça acatou o pedido formulado pelo Ministério Público, embasado também num Inquérito Policial, que solicitava o afastamento do edil. Na denúncia oferecida pelo Promotor Inocêncio Carvalho, Nino Maragon é acusado de uma série de irregularidades, a exemplo de descontos em empréstimos consignados de servidores e não repassados à Financeira, fraude em locação de veículos e também em licitações. O edil foi notificado nas primeiras horas desta sexta-feira (19). Assumirá em seu lugar o vice-presidente da Câmara de Vereadores, Carlinhos Diplomata (PR). Nino Maragon ainda responderá por Improbidade Administrativa e teve os bens bloqueados num valor de R$ 37 mil por decisão do Juiz Antônio Carlos Maldonado Bertacco. O Magistrado ainda determinou o envio de Ofício para o Cartório de Imóveis de Ubatã, Corregedoria do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Junta Comercial do Estado e Banco Gerador, que teria sido prejudicado pela retenção dolosa dos empréstimos praticados pelo ex-presidente da Câmara. A decisão cabe recurso, mas Nino Maragon já está afastado do cargo. Assumirá a vaga de Maragon o suplente da Coligação, o ex-vereador Zé Domingos (PDT). (Ubatã Notícias)