MAIS DE UMA TONELADA DE CARNES É APRENDIDA EM AURELINO LEAL
  • 1.661
  • 0
  • 21/04/2017 
  • redacao
A Carne foi aprendida em poder  do comerciante de prenmeo Marcelo

A Carne foi aprendida em poder do comerciante de prenome Marcelo

Mais de uma tonelada de carne foi apreendida na quinta-feira (20), na cidade de Aurelino Leal,, após denúncia anônima. O dono do material é um fazendeiro, pego em flagrante transportando a carne, que estava coberta com uma lona, em um carro sem refrigeração. A apreensão foi feita por uma equipe da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), vinculada a Secretaria da Agricultura da Bahia (Seagri), que também multou o homem em R$ 20 mil. Conforme Adab, o fazendeiro confessou que fazia abate ilegal de gado na propriedade dele, situada na zona rural do mesmo município onde a carne foi encontrada. Foram apreendidos ainda quatro carcaças bovinas com vísceras. Segundo a equipe da Adab, são materiais impróprios para consumo humano, porque foram abatidos em locais impróprios, sem procedência. Ainda conforme a agência, o abate correto deve ser em frigorífico credenciado, com inspeção de médico veterinário para saber a procedência do gado. Na região sul da Bahia, o pecuarista paga para o abate, uma taxa entre R$ 40 e R$ 60 por cada cabeça de gado. O material apreendido foi incinerado ainda na tarde desta quinta-feita, em Itabuna, cidade do sul do estado. A Adab também abrirá processo administrativo contra o fazendeiro e vai fiscalizar a propriedade. (Agravo)