PGR PEDIU PRISÃO DE AÉCIO NEVES, MAS FACHIN DEIXA DECISÃO PARA O STF
  • 190
  • 0
  • 18/05/2017 
  • Redação
Foto: Reprodução / Pragmatismo Político

Foto: Reprodução / Pragmatismo Político

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, chegou a pedir a prisão do senador Aécio Neves (PSDB-MG), mas o ministro Edson Fachin, responsável pela relatoria da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), determinou apenas o afastamento do Senado. Ele afirmou que a prisão é assunto para ser decidido no plenário do STF. O senador é acusado de pedir R$ 2 milhões ao empresário Joesley Batista para pagar despesas com um advogado. No entanto, o dinheiro teria sido enviado a outro senador, Zezé Perrella (PMDB-MG). Nesta manhã (18), a Polícia Federal (PF) cumpriu mandados de busca e apreensão nos gabinetes e imóveis relacionadas aos parlamentares. Já a irmã de Aécio, Andrea Neves já foi presa pela PF. Bahia Notícia