ILHEENSE, ACUSADO DE ESTUPRO, É PRESO EM SALVADOR
  • 74
  • 0
  • 07/11/2018 
  • redacao

 

Fábio é acusado de estuprar um menino de 12 anos em Ilhéus, em 2012.

Fábio Santos Barreto foi preso, nesta terça-feira (6), na sede do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc), em Salvador. Ele é acusado de estupro e teve o mandado de prisão cumprido pelo Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (Dccp). Fábio é acusado de estuprar um menino de 12 anos em Ilhéus, em 2012.

Testemunhas informaram que o acusado seria segurança do presidente do Sindpoc, mas Marcus Maurício negou a informação. Ao um site na capital ele afirmou que o homem é militante e o ajudou durante a sua campanha para o senado nas eleições deste ano. “Nunca foi meu segurança, isso é mentira do pessoal da oposição. Eu sou policial e não preciso de segurança, tenho porte de arma e ando armado. Esse rapaz fez a campanha de Otto Alencar Filho, Claudio Ferraz e a minha campanha como militante, e ele foi lá buscar o dinheiro que eu estava devendo a ele […] como são centenas de pessoas que trabalham no período eleitoral, você não tem como triar todo mundo.

Essa pessoa é uma liderança política, que estava lá pedindo voto pra mim, fazendo bandeiraço”, explicou Marcos Maurício. O presidente do sindicato acusou a oposição de estar divulgando essa informação para manchar a sua imagem, por causa da eleição do Sindpoc, que ocorre no próximo sábado (10). “Eles [oposição] criaram essa polêmica porque nós estamos em campanha sindical, no sábado (10) vai ter eleições, então eles fizeram isso para tentar denegrir a imagem do sindicato e da diretoria que está atualmente no poder, para poder tirar a diretoria”, concluiu o presidente. (BN)