GOLPISTAS FAZEM SE PASSAR POR CARTÓRIOS
  • 243
  • 0
  • 29/03/2020 
  • redacao

 

Cidadãos com precatórios a receber vêm relatando que estão sendo vítimas de uma tentativa de golpe. Pessoas se fazendo passar por cartorários ligam para quem tem precatórios a receber afirmando que, para que o dinheiro seja liberado, é preciso depositar um determinado valor em uma conta-corrente. O dinheiro serviria para cobrir taxas e despesas de cartório.

Ricardo Innocenti, sócio-diretor da Innocenti Advogados, explica que não é preciso pagar nada para receber os precatórios, apenas aguardar a sua liberação na fila. “Os criminosos estão se aproveitando da pandemia para aplicar o golpe, porque muitas pessoas estão com medo de ficar doentes e sem dinheiro, então, quando acham que podem receber o dinheiro, aceitam pagar qualquer coisa”, explica.

No entanto, trata-se mesmo de um golpe. A pessoa faz o depósito e o golpista some imediatamente. A vítima não recebe os créditos do precatório, que continuam na fila para liberação. Por isso, Innocenti alerta que nenhum depósito deve ser feito. “Quem receber um contato desse tipo não deve fazer nenhum pagamento e deve avisar a polícia imediatamente”, explica.

Esse tipo de golpe não é novo, mas a estratégia muda um pouco de acordo com as circunstâncias. Em 2019, os criminosos faziam se passar pelos advogados das vítimas e pediam que o dinheiro fosse depositado em uma conta que supostamente seria do escritório de advocacia. Uma vez que o valor caía na conta, desapareciam. “As pessoas que têm precatórios a receber nunca devem fazer nenhum tipo de depósito, porque não existe essa exigência para liberar o valor. Se receber uma ligação pedindo isso, pode ter certeza de que é golpe”, afirma Innocenti.

Para mais informações, entre em contato com Alessandra Milanez – alessandra@avocar.com.br – (11) 97691-8860