ACUSADO DA MORTE DE PM EM EUNÁPOLIS, PRESO EM PORTO SEGURO
  • 1.212
  • 0
  • 19/02/2015 
  • redacao
Josué Prado dos Santos (Wolverine), 23 anos, acusado de participar do assassinato do sargento Dalvino Magalhães Filho

Josué Prado dos Santos (Wolverine), 23 anos, acusado de participar do assassinato do sargento Dalvino Magalhães Filho

 

Está preso desde ontem (18) em Porto Seguro, Josué Prado dos Santos (Wolverine), 23 anos, acusado de participar do assassinato do sargento Dalvino Magalhães Filho, 46 anos, morto com um tiro no peito na avenida Porto Seguro, no centro de Eunápolis. O crime ocorreu na sexta-feira, 7 de novembro do ano passado. Segundo informações levantadas pela polícia no local do crime, o policial estava à paisana e se dirigia ao banco como segurança de um comerciante da cidade, quando foi surpreendido pelos atiradores que chegaram em duas motos. Uma cápsula deflagrada calibre 380 foi encontrada no local do crime e a arma do policial foi levada por um dos criminosos. No dia seguinte ao assassinato, policiais deslocaram-se a um local conhecido como Colônia, no interior de Eunápólis, onde acabaram confrontando com Francisco Almeida Ramos Júnior, o “Arara”, de 23 anos, apontado como autor do disparo que matou o policial. E durante o confronto o suspeito terminou sendo alvejado e morreu. (Teixeira News)