JUSTIÇA BAIANA CANCELA GRATUIDADE NOS ÔNIBUS PARA POLICIAIS
  • 523
  • 0
  • 17/07/2015 
  • redacao

nenef

O Tribunal de Justiça da Bahia cancelou o benefício de gratuidade para policiais civis e militares nos ônibus de Salvador. A medida passa a valer a partir de terça-feira, 21, quando todos os cartões utilizados pelos policiais perderão a validade. A decisão – resultado de uma negociação iniciada em 2013 – restringe o benefício a dois policiais militares fardados e dois policiais civis devidamente identificados por cada veículo. Segundo o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Setps), atualmente 8.457 policiais militares e 1.919 policiais civis possuem cartões de gratuidade no sistema de transporte coletivo por ônibus de Salvador. A utilização mensal é de 330 mil passagens entre os PMs e de 40 mil entre os policiais civis. Na época do início do acordo entre o Setps e o governo do Estado, o benefício alcançava em torno de um milhão de viagens mensais, que deveriam ser reembolsadas pelo Estado mas, segundo o Setps, isso não aconteceu.