LULA SE PERDEU PELAS DELÍCIAS DO PODER , DIZ FERNANDO HENRIQUE
  • 336
  • 0
  • 02/10/2015 
  • Redação

fernando henrique

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse nesta quinta-feira que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva “se perdeu pelas delícias do poder”. A declaração foi feita em entrevista ao jornal do SBT, exibida na noite desta quinta-feira, quando foi pedido ao tucano que falasse o que pensa do sucessor. — Lula se deixou perder encantado pelas delícias do poder e pela cultura política tradicional. Ele acabou aceitando como normal o que ele sempre criticava — afirmou Fernando Henrique. Em outro momento da entrevista, o tucano disse que conhece Lula desde os tempos em que ele morava em “casa de pobre” e que o petista “perdeu a autenticidade”. — Eu conheço o Lula de priscas eras. Eu já votei nele e ele em mim. Faz muito tempo isso. Mas acho que o Lula se perdeu no caminho, para ser sincero. Se perdeu, porque aquela autenticidade que ele tinha se perdeu. Hoje, ele é um político tradicional. Acha que a manutenção do poder é mais importante do que tudo. Ele tem tendência a fazer sempre acordos. Uma das questões que mais me choca na trajetória do presidente Lula, eu o conheço do tempo que ele era líder de sindicato, de ir à casa dele lá de pobre em São Bernardo, é que ele foi absorvido pela cultura tradicional da política brasileira. Para ele, o toma lá dá cá não é exceção, mas regra. Isso eu acho perigoso. O ex-presidente foi perguntado se ele também não havia recorrido à troca de ministérios e cargos com outros partidos para ter governabilidade. O tucano admitiu que sim, mas disse que menos que o PT. — Houve, mas limitado. Sem comparação (com governo do PT). Fernando Henrique repetiu que agora não é o momento para uma conversa privada entre os dois ex-presidentes. — Não é o momento de conversa por debaixo dos panos, porque vão pensar logo que estamos tentando descobrir como é que mela o jogo da Lava-Jato. Em relação à presidente Dilma Rousseff, FH comentou que tem faltado sabedoria a ela para governar. — Pessoalmente, não tenho queixa. Mas ela não tem governado com a sabedoria necessária. O tucano voltou a criticar a postura do PSDB em votações como o fim do fator previdenciário, criado na gestão de FH. — O PSDB visa agora a política e o poder.