PF REALIZA BUSCAS NAS CASAS DE EDUARDO CUNHA NO DF E RJ
  • 1.845
  • 0
  • 15/12/2015 
  • redacao

EDUARDOOK

A Polícia Federal deflagrou nesta terça­ feira (15), a operação Catilinária e fez buscas e apreensões na residência oficial da presidência da Câmara, em Brasília. A residência, hoje ocupada por Eduardo Cunha (PMDB­), um dos alvos da Lava Jato, amanheceu cercada por diversas viaturas policiais. A residência de Cunha no Rio de Janeiro também foi vasculhada pela PF. A ação da PF também faz buscas na casa do deputado Aníbal Gomes (PMDB­), apontado como interlocutor do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), nos desvios da Petrobras, do senador e ex­ministro Edison Lobão (PMDB), que é investigado no Supremo Tribunal Federal pela Lava Jato, e de Sergio Machado, ex ­presidente da Transpetro. Ao todo, são 53 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Distrito Federal, Pernambuco, Pará, Rio Grande do Norte, Ceará e Alagoas. A residência de Cunha –ele mora na Península dos Ministros, onde fica a residência oficial da presidência da Câmara– amanheceu cercada por diversas viaturas policiais. As casas dos congressistas em Brasília também estão cercadas. Não há, ao menos por ora, prisões na etapa atual da operação, chamada Catilinárias. As Catilinárias são discursos célebres do orador romano Cícero contra um senador que planejava tomar o poder.