PRESO ACUSADO DE QUEIMAR E MATAR ARTESÃO EM ITACARÉ
  • 695
  • 0
  • 09/01/2016 
  • redacao

 Jadson Santos de Jesus (maior de idade), apontado como o co-autor do crime.

Jadson Santos de Jesus (maior de idade), apontado como o co-autor do crime.

Em uma ação rápida, uma guarnição do Peto de Itacaré, pertencente a 72ª Companhia Independente de Polícia Militar, com o apoio do Delegado Emanuel Ribeiro Matos, realizou uma operação, com incursões e abordagens, no intuito de capturar os indivíduos que atearam fogo no artesão César Alves Borges, na madrugada do dia 3 de janeiro de 2016. Quando os policiais se aproximaram do final da rua da Pituba, avistaram um menor, suspeito do crime. Ele tentou fugir, mas foi apreendido pela guarnição. Logo após, os policias se deslocaram até sua residência, encontrando Jadson Santos de Jesus (maior de idade), apontado como o co-autor do crime. Os dois foram apresentados na delegacia de Itacaré. Os suspeitos confessaram a autoria do crime e disseram que o alvo era outro homem, apelidado de Playboy, com quem o adolescente havia tido uma briga anteriormente. “Eles disseram que só queriam dar um susto, mas sabiam as consequências do que estavam fazendo”, afirma o delegado Emanuel Matos, titular da delegacia de Itacaré. Conforme o delegado, o adolescente já foi apresentado ao Ministério Público e vai participar de uma audiência na segunda-feira (11) para decidir sobre a transferência dele para Salvador. Ele aguarda na delegacia de Itacaré. Já o maior Jadson Santos de Jesus, está detido na delegacia do município e deve ser encaminhado para o complexo presidiário de Ilhéus. (Itacaré Urgente)