MARAÚ: GOLFINHO MORRE NA REGIÃO DO PIRACANGA, APOS SER RESGATADO
  • 350
  • 0
  • 20/03/2016 
  • Redação
Biólogos, veterinários, moradores e visitantes de Piracanga e Praia do Patizeiro se mobilizaram para salvar o golfinho. Apesar da morte do animal, o clima de solidariedade e de esforço serviu para demonstrar que muitas pessoas respeitam o “direito à vida” e preservação dos outros seres vivos.

Biólogos, veterinários, moradores e visitantes de Piracanga e Praia do Patizeiro se mobilizaram para salvar o golfinho. Apesar da morte do animal, o clima de solidariedade e de esforço serviu para demonstrar que muitas pessoas respeitam o “direito à vida” e preservação dos outros seres vivos.

Na última terça-feira, 15, um golfinho climene (Stenella clymene) apareceu desorientado e bem debilitado na Praia do Patizeiro, em Itacaré.
Segunda a bióloga Stella Tomás, o animal foi socorrido pela equipe do Projeto Txaitaruga e foi resgatado no dia posterior, na comunidade Piracanga, pelas equipes do Instituto Mamíferos Aquáticos e do INEMA.
“Fizemos o possível diante das possibilidades (e falta de recursos), mas o animal não possuía equilíbrio, estava “adernando” (virando para um dos lados) e não tinha condições de nadar sozinho, pois poderia se afogar”, explicou a bióloga.
Muitas pessoas da comunidade de Piracanga e uma família que estava na praia do Patizeiro ajudaram nas duas situações de encalhe e se revezaram nos cuidados. Infelizmente, o golfinho veio a óbito na tarde dessa quinta-feira, 17.
O corpo do animal foi encaminhado à Universidade Estadual de Santa Cruz.

Blog do Gusmão