EUNÍCIO OLIVEIRA É ELEITO PRESIDENTE DO SENADO
  • 676
  • 0
  • 02/02/2017 
  • redacao

EUNICIOO senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi eleito presidente do Senado nesta quarta-feira. Apoiado tanto por senadores aliados ao governo do presidente Michel Temer quanto por alguns oposicionistas, incluindo petistas, o peemedebista recebeu 61 votos e sucederá a Renan Calheiros (PMDB-AL) no comando da Casa. Seu mandato vai até fevereiro de 2019. Único concorrente de Eunício, o senador José Medeiros (PSD-MT) foi votado por 10 senadores. Outros 10 parlamentares ainda votaram em branco. Em seu discurso no plenário do Senado, o peemedebista disse esperar que a Casa “não perca a corrente contemporânea na luta contra a corrupção” e prometeu ser “duro e firme quando um Poder parecer se levantar contra outro Poder”. O peemedebista também tocou em uma pauta sensível ao governo de Michel Temer em tramitação no Congresso: a reforma da Previdência. “A Previdência, todos sabemos, está quebrada, e esta casa estará diante da tarefa irrecorrível de reformar o sistema previdenciário para salvá-lo. É uma urgência que o processo histórico propõe e impõe”, disse Eunício Oliveira. Após a confirmação de sua eleição, Eunício substituiu Renan Calheiros na cadeira de presidente do Senado para conduzir a eleição da mesa diretora da Casa, que respeitou a proporcionalidade ao tamanho das bancadas, ou seja, partidos que têm mais senadores ficam com as cadeiras mais importantes. Desta forma, Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) foi eleito 1º vice-presidente, João Alberto Souza (PMDB-MA) é o 2º vice-presidente, José Pimentel (PT-CE) ocupará a 1ª secretaria, Gladson Camelli (PP-AC) ficou com a 2ª Secretaria, e Antônio Carlos Valadares (PSB-PB) e Zezé Perrela (PMDB-MG) foram eleitos, respectivamente, para a 3ª e 4ª secretarias. (Veja)