PRESIDENTE DA COMISSÃO DE REFORMA POLÍTICA, LÚCIO DIZ QUE CRISE NÃO ATRAPALHA DISCUSSÃO
  • 863
  • 1
  • 09/06/2017 
  • redacao

 

Foto: Paulo Victor Nadal / Bahia Notícias

Foto: Paulo Victor Nadal / Bahia Notícias

O presidente da comissão especial de reforma política na Câmara dos Deputados, Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), avaliou nesta sexta-feira (9) que a crise política enfrentada nas últimas semanas não prejudica os trabalhos do colegiado. “Pelo contrario estimula porque conscientiza mais de uma necessidade de uma reforma. Porque o povo cobra; e faz parte, para resolver a crise política, fazer uma reforma que mostre para o futuro e que mostre ao povo que efetivamente nós estamos comprometidos em dar uma satisfação a eles”, explicou o parlamentar, que não preferiu não fazer prognósticos sobre a situação do presidente Michel Temer, cuja chapa está em julgamento nesta sexta no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). “Tem que esperar o resultado. É hoje né? A situação a gente só vai saber depois do resultado”, afirmou. Questionado sobre eventual saída do PSDB da base do governo, que já vem sendo sinalizada desde a explosão do escândalo envolvendo o presidente, com a delação da JBS, Lúcio destacou que o quadro deve se manter como antes, mesmo que os tucanos deixem a aliança. “Não vejo como, não, até porque as declarações que eles dão é que sairão do governo e continuarão apoiando a reforma. Se continuar apoiando a reforma está no governo. Sair do governo e entregar cargo é o que menos importa”, aponta. BN


  1. HILTON REIS FAHNING disse:

    A história parafraseia no seu mundo de ilusão o ditado que diz “É a raposa tomando conta do galinheiro”, que nesse caso as galinhas somos nós a população brasileira que irá sofrer todas as atrocidades cometidas em nome da “modernização das leis”, feitas, julgadas e implementadas por uma elite altamente corruptiva e que tem em nossos “representantes” os senhores políticos, seus corrompidos mor.