CÂMARA INVESTIGA DEPUTADOS CITADOS POR PRESIDENTE DE ONG
  • 451
  • 0
  • 05/11/2014 
  • Redação
As investigações foram solicitadas pelas direções nacionais do PSDB e do DEM após a publicação de uma reportagem da Revista Veja, com acusações da presidente do Instituto Brasil

As investigações foram solicitadas pelas direções nacionais do PSDB e do DEM após a publicação de uma reportagem da Revista Veja, com acusações da presidente do Instituto Brasil

 

O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados instaurou ontem processos por quebra de decoro parlamentar contra os deputados federais baianos Afonso Florence, Nelson Pellegrino e o governador eleito Rui Costa, todos do PT.

As investigações foram solicitadas pelas direções nacionais do PSDB e do DEM após a publicação de uma reportagem da Revista Veja, com acusações da presidente do Instituto Brasil, Dalva Sele Paiva, de supostos desvios de recursos do Fundo de Combate à Pobreza. Os três parlamentares tiveram os nomes citados pela revista.

Na sessão de ontem do Conselho de Ética foram sorteadas as listas tríplices para a escolha do relator nos três processos, que deverão ser analisados isoladamente. Para Florence foram sorteados os deputados Zequinha Marinho (PSP-PA), Wladmir Costa (SD-PA) e Roberto Teixeira (PP-PE). Os sorteados para o processo de Nelson Pelegrino são Wladmir Costa (SD-PA), Marcos Rogério (PDT-RO) e Ronaldo Benedetti (PMDB-SC).

O processo de Rui Costa está entre Mauro Lopes (PMDB-MG), Zequinha Marinho (PSP-PA) e Ronaldo Benedetti (PMDB-SC). A expectativa é que os relatores sejam definidos ainda hoje. Após as escolhas dos três nomes, o prazo para apresentar um relatório preliminar ao Conselho de Ética é de 20 dias corridos. Informações: Correio)