PRESO POR HOMICÍDIO EM HOTEL JÁ TINHA TENTADO MATAR AMANTE ANTES
  • 808
  • 0
  • 13/11/2014 
  • redacao
André foi preso e confessou o crime (Foto: Divulgação)

André foi preso e confessou o crime
(Foto: Divulgação)

Preso pela morte de Elaine Santos Leal, 30 anos, André Luís Anunciação de Almeida, 32 anos, confessou o crime. Os dois mantinham um caso extraconjugal há cerca de 6 meses. André foi preso ontem na cidade de São Felipe horas depois do corpo de Elaine ser encontrado, com sinais de estrangulamento, embaixo da cama de um dos quartos de um hotel no Largo do Rosário, em Salvador.

André foi apresentado à imprensa nesta quarta-feira (12). Segundo o delegado Guilherme Machado, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), eles terminaram o caso há cerca de um mês, mas André não aceitava o fim da relação e inclusive já havia tentado matar Elaine.

Ele esteve há duas semanas no trabalho dela, em Santa Cruz, e a ameaçou com uma faca. Depois disso, Elaine registrou queixa na 12ª Delegacia (Itapuã). André então marcou um encontro com a vítima na segunda (10) no hotel, novamente tentando reatar o relacionamento. Os dois discutiram e André a estrangulou até a morte. O corpo de Elaine foi encontrado pela camareira.

O marido de Elaine, notando a ausência da mulher, prestou queixa do desaparecimento no DHPP. A polícia acredita que o crime pode ter sido premeditado, pois antes de ir ao encontro de Elaine André deixou um bilhete para a mulher, que dizia: “Te peço desculpas, mas tinha que fazer isso”. Segundo a polícia, a esposa dele já sabia do caso extraconjugal do marido e foi essa descoberta que levou Elaine a terminar o caso.

André foi autuado por homicídio duplamente qualificado e foi encaminhado ao sistema prisional. (Fonte: Correio)