CLOSINHO CONTINUA EM NOSSAS LEMBRANÇAS
  • 309
  • 0
  • 11/05/2020 
  • redacao

 

Professor Clodomir Xavier de Oliveira

O professor Clodomir Xavier de Oliveira, (Closinho), partiu para eternidade , mas ainda através do memorável legado, continua em nossas lembranças, em nossos corações. Se estivesse vivo, no próximo  16 de maio,  completaria 110 anos. Ele foi um  grande mestre, inúmeras gerações que passaram pelo  Ginásio Ubaitabense, testemunharam isso. Foi um criativo escritor, Na arte literária Clodomir  Xavier,  produziu contos, alguns dos quais reunidos no livro “Histórias de Ubaitaba”, poesias e crônicas.  Seu  romance “Pulu”  foi elogiado pelo celebre escritor, Jorge Amado.  Closinho também e destacou como  forte liderança nas causas da cacauicultura, artistas plástico e historiador.  Devemos  muito a ele em nossa formação como  veículo de comunicação,  foram muitas lições de vida. Ele era casado com dona Carmosina Paraíso de Oliveira (Dona Zizí), dessa união nasceu uma única filha: Celisa  que lhe deu 04 netos: Socorro, Macau, Marcelo e Yone.

Clodomir Xavier, foi presidente do CNPC-Conselho Nacional dos Produtores de Cacau,durante cinco gestões, e nesse cargo provou  sua competência de liderança sindical. Nos últimos anos de sua existência formou o “Senadinho”, uma especie de confraria que se reunia em sua residência, na praça  Dr. Xavier, no centro de Ubaitaba, para falar de política, cultura e outros assuntos, além de experimentar uma deliciosa caipirinha que somente ele sabia fazer. Do “Senadinho” participavam,  o Padre Neu, o jornalista Humberto Hugo, o Contabilista Ismeraldo Pereira,  Marcelo Almeida,, seu neto,  o Técnico, Agrícola Ademir Ferreira de Souza, seu afilhado e tantos outros. Continua aqui nossas lembranças do velho mestre. (jornaltribunadaregiao.com.br)