INVESTIGAÇÃO DA PF E CGU AFASTA PREFEITOS DE IPIRÁ E PILÃO ARCADO, NA BAHIA
  • 130
  • 0
  • 21/08/2018 
  • redacao

 

Os prefeitos de Ipirá, Marcelo Brandão (DEM), e de Pilão Arcado, Afonso Mangueira (PP), foram afastados dos respectivos cargos, nesta terça (21), acusados de participação em esquema criminoso de fraude a licitações, superfaturamento, desvio de recursos públicos, corrupção ativa e passiva e lavagem de ativos. Os desvios podem chegar a R$ 39 milhões. Segundo o G1, as irregularidades se deram na contratação de serviços de transporte escolar.

A Operação Offerus, deflagrada pela Polícia Federal e Controladoria-Geral da União (CGU), envolve 90 policiais federais e cumpre 19 mandados de busca e apreensão e um de prisão preventiva, além de 18 auditores federais de controle da CGU. Os mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1). Os policiais cumprem mandados em Alagoinhas, Casa Nova, Conde, Ipirá, Jequié e Pilão Arcado na Bahia.