CARLOS ALBERTO, O INESQUECÍVEL ( *Por Roberto Setúbal )
  • 617
  • 0
  • 05/03/2018 
  • redacao

 

Carlos Alberto na porta do Estadio Felipe Miranda, palco de grandes jogadas (Foto: H. Hugo)

Foi o jogador de futebol que alcançou a maior notoriedade no âmbito de Ubaitaba.

     Campeão por mais de uma vez do Campeonato Intermunicipal do Estado da Bahia defendendo a lendária Seleção de Itabuna, hexacampeã na década de 60. Também foi profissional de sucesso no Galícia da capital e, principalmente, no Vitória onde sagrou-se campeão baiano.

Adquiriu destaque jogando como médio-volante no Comercial de Ubaitaba, na Seleção de Ubaitaba, no Bahia de Itajuípe, no Flamengo de Itabuna, na seleção de Itabuna, no Galícia e no Vitória de Salvador.

 Ele era o maestro, o senhor do time, e a bola sempre lhe obedecia no meio de campo. Jogava com vigore elegância, tinha excelente controle de bola, sabia trocar passes e fazer lançamentos em profundidade, além de chutar com força e precisão, sempre utilizando o peito do pé.

 Era exímio batedor de faltas, a média e longa distância, possuía habilidade para colocar a bola onde o goleiro não esperava.

Como defensor tinha senso de colocação e noção exata do tempo para desarmar o adversário e fazer a cobertura dos defensores, de um lado a outro do campo.

Carlos Alberto foi o melhor atleta na sua posição e, um dos jogadores que proporcionaram mais alegria em toda história do futebol de Ubaitaba.

Teve uma carreira longeva e, com mais de quarenta anos de idade ainda encantava os torcedores desfilando sua técnica diferenciada nos gramados.

No campo da bola foi um grande vencedor que merece o reconhecimento da comunidade.

Muito obrigado “Carlos de Cabocla”, como também era carinhosamente tratado em Ubaitaba, pela relevante contribuição ao futebol, essa paixão popular do Vale do Rio de Contas.

(*)-Engº Agrº  da Ceplac e ex-prefeito de Itacaré